Coréia do Norte, impostos, Maísa, mudanças climáticas e Luiz Carlos Alborghetti por J R Tosco

Não sei quanto a você caro leitor, mas eu sou fã do Luiz Carlos Alborguetti. O cara é um mito da televisão e do rádio. Perdi a conta de quantas vezes passei mal de tanto rir do cara. Algumas pessoas podem dizer: “Ah mas ele foi político, xinga, xinga, mas na verdade é um hipócrita.” Tudo bem, posso até concordar, mas é inegável o seu talento e o domínio total da arte de xingar, gritar, bagaçar, fazer escândalo e ainda fazer você rir. O cara é um mestre.

Mas enfim, resolvi comentar neste post algumas notícias recentes, afinal eu estava sem um tema ou idéia central. Então, gostaria de começar falando de algo assustador que li essa semana. O brasileiro trabalhou desde o começo do ano até quarta passada, dia 27 de maio, só para pagar impostos. É, li no JB online. Os cálculos são do Instituto Brasileiro de Planejamento Tributário (IBPT). O brasileiro compromete 147 dias de trabalho para pagar tributos ao governo, e o que recebe em troca? 147 dias em um ano dá pouco mais do que um terço, fora o que trabalhamos para dar lucro para os “distintos” empresários e “empreendedores”. Ai eu pergunto: Quanto de nossas vidas vivemos para os outros?

Filosófico e profundo isso. Próxima notícia. Mudanças climáticas são responsáveis por 300 mil mortes por ano segundo Fórum Humanitário Global. De acordo com o relatório divulgado nesta sexta-feira, 29 de maio, esse número deverá dobrar em 20 anos. Os países mais afetados são aqueles que não dispõem de recursos para adaptação às mudanças do clima, ou seja, os mais pobres e que menos destroem e alteram o clima no planeta. O relatório chega um pouco antes da próxima rodada de negociações entre os governos de todo o mundo sobre o futuro da regulamentação das emissões de gases que provocam o efeito estufa.

Será que sou só eu que percebo que os interesses particulares dos governantes e empresários estão levando o mundo a uma situação insustentável? Como é possível que a grande maioria da população sofra, passe fome, fique doente, morra e as dezenas de dirigentes que podem mudar isso não fazem nada e ainda permanecem intocadas?

Depois de todas estas noticias desanimadoras, resolvi ver as noticias de entretenimento. Esperava ver dicas de filmes, música, livros e coisas legais que me ajudassem a ficar um pouco alienado e esquecer as coisas que acontecem neste mundo cruel. Pois eis que me deparo com o mapa astral da Maísa. Pra quem não sabe, Maísa é aquela fedelha impertinente que o Lorde Supremo Abravanel, também conhecido como Silvio Santos, resolveu levar para o seu programa. Mapa astral? Que que eu quero saber do mapa astral da Maísa? Cadê as dicas culturais?

Novamente frustrado, resolvi ver mais notícias internacionais. Ai me deparei com o caso Coréia do Norte. O engraçado dessa estória é que todo mundo é unânime em afirmar que a Coréia do Norte não pode ter um programa militar nuclear. Mas por quê? Qual é a diferença entre a ditadura norte coreana e a opressão financeira que vivemos aqui? Isso sem mencionar a falta de cultura, o total descaso dos governantes quanto a inúmeras questões e problemas que enfrentamos. Será que não seria melhor vivermos em uma ditadura ás claras aqui também? Eliminaria a hipocrisia ao menos. E por que as potencias ocidentais podem ter centenas de mísseis equipados com ogivas nucleares apontados sabe-se lá pra onde e a Coréia do Norte não?

Mas o leitor deve estar se perguntando: e o que o Alborguetti tem a ver com tudo isso? Eu realmente fico indignado com tantas coisas desconexas, e por vezes surreais, acontecendo no mundo e no nosso paíszinho miserável. Ai pensei, nada melhor do que o “Mestre Dalborga” pra me ajudar a mostrar toda a minha indignação.

Portanto, carga tributária, “acordos” para a diminuição de poluentes, mapa astral da Maísa, hipocrisia tipicamente ocidental democrata:

Anúncios

Deixe um comentário

Filed under opinião

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s